Inline
quinta-feira, agosto 16#SoumaisoPolêmico

Economia

Fundo PIS-Pasep: saques são liberados nesta terça a 17,5 milhões de cotistas

Fundo PIS-Pasep: saques são liberados nesta terça a 17,5 milhões de cotistas

Economia, Manchete, Política
Saques foram liberados agora para quem tem direito ao benefício mas não é correntista da Caixa e do Banco do Brasil. Prazo vai até 28 de setembro. omeça nesta terça-feira (14) o pagamento do Fundo PIS/Pasep aos cotistas de todas as idades que não são correntistas da Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil. Quem tiver direito ao saque pode ir até as agências dos dois bancos. Para os correntistas desses bancos que estão com o cadastro atualizado os pagamentos começaram a ser feitos em conta corrente na última quarta-feira (8). São cerca de 17,5 milhões de pessoas que poderão sacar até o dia 28 de setembro. É preciso levar ao banco um documento de identificação ou o número de registro do PIS/Pasep, consultando na hora o valor que tem direito a sacar. A
Petrobras recebe mais de R$ 1 bi recuperado pela Operação Lava Jato

Petrobras recebe mais de R$ 1 bi recuperado pela Operação Lava Jato

Economia, Manchete, Política
Empresa diz que é a maior restituição recebida em um único período, que somada aos recursos já transferidos para a companhia desde o início da operação, ultrapassa o montante de R$ 2,5 bilhões. Fachada da sede da Petrobras no Rio de Janeiro (Foto: Agência Petrobras / Stéferson Faria) A Petrobras informou nesta quinta-feira (9) que recebeu uma devolução de R$ 1,034 bilhão por meio de acordos de colaboração e leniência celebrados no âmbito da Operação Lava Jato, da Polícia Federal. Em fato relevante, a empresa disse que esta é a maior restituição recebida em um único período, que somada aos recursos já transferidos para a companhia desde o início da operação ultrapassa o montante de R$ 2,5 bilhões. A petroleira disse também que seguirá adotan
Após disparar com greve dos caminhoneiros, inflação oficial desacelera e fica em 0,33% em julho

Após disparar com greve dos caminhoneiros, inflação oficial desacelera e fica em 0,33% em julho

Economia, Manchete, Política
Alta no mês foi puxada pelo custo da energia elétrica. No acumulado em 12 meses, IPCA subiu para 4,48%, mas ainda segue dentro da meta central do BC para 2018 (4,5%). Após efeito da greve dos caminhoneiros, energia elétrica é a vilã da inflação, diz IBGE O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), considerado a inflação oficial do país, ficou em 0,33% em julho, quase 1 ponto percentual abaixo do registrado no mês anterior, quando a taxa disparou 1,26% em meio à alta de preços provocada pela greve dos caminhoneiros, divulgou nesta quarta-feira (8) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). IPCA em julho: Taxa no mês: 0,33% Acumulado no ano: 2,94% Acumulado em 12 meses: 4,48% No acumulado em 12
Após tombo em maio, produção industrial tem alta de 13,1% em junho, aponta IBGE

Após tombo em maio, produção industrial tem alta de 13,1% em junho, aponta IBGE

Economia, Manchete, Política
Foi a maior alta da série histórica, iniciada em 2002, eliminando as perdas provocadas pela greve dos caminhoneiros no mês anterior. No 2º trimestre, porém, houve queda de 2,5% na comparação com o 1º trimestre. Linha de montagem do novo Polo na fábrica da Volkswagen em São Bernardo do Campo, SP (Foto: Divulgação) A indústria brasileira avançou 13,1% em junho frente a maio, na série com ajuste sazonal, eliminando as perdas provocadas pela greve dos caminhoneiros no mês anterior, divulgou nesta quinta-feira (2) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Esta foi a maior alta da série histórica, iniciada em 2002, destacou o IBGE. O resultado, entretanto, veio abaixo das expectativas. Economistas ouvidos pela Reuters esperavam
Economia, Política
Resultado foi divulgado nesta terça-feira (24) pela Secretaria da Receita Federal. No acumulado do ano, a arrecadação subiu 6,88%, para R$ 714,255 bilhões. ecretaria da Receita Federal informou nesta terça-feira (24) que, em junho, a arrecadação com impostos, contribuições e demais receitas teve alta real (acima da inflação) de 2,01% e chegou a R$ 110,855 bilhões. Esse foi o melhor resultado para meses de junho desde de 2015. Em junho de 2017, a arrecadação federal somou R$ 108,671 bilhões (em valores atualizados). (Correção: ao ser publicada, esta reportagem informou erroneamente que a alta da arrecadação em junho deste ano foi de 3,09% e que a arrecadação em junho de 2017 somou R$ 104,1. As informações foram corrigidas às 10h41.) Esse é o oitavo mês consecutivo
Tabela FIPE: OS 22 CARROS QUE MAIS E MENOS DESVALORIZAM EM 2018

Tabela FIPE: OS 22 CARROS QUE MAIS E MENOS DESVALORIZAM EM 2018

Direitos e Deveres, Economia, Manchete
Veja os carros que estão no topo do ranking da depreciação e os modelos que são os queridinhos do mercado por MICHELLE FERREIRA JAC T5 (FOTO: MARCOS CAMARGO/AUTOESPORTE) Antes de escolher um carro, é preciso levar diversos fatores em consideração. Um deles: a desvalorização em um ano. Avaliamos todos os modelos de R$ 27.290 a R$ 349.990 e te contamos qual é o melhor negócio para o seu bolso quando o assunto é a depreciação. Para fazer o cálculo, utilizamos a versão intermediária de cada modelo. Vale lembrar que os preços efetivamente praticados variam de região, conservação, acessórios, quilometragem e até da cor. Os 22 carros que mais desvalorizam, de acordo com a tabela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) 1) JAC T5 18,1% 2) Mercedes-Benz Classe A 15,5% 3
Petrobras reduz preço da gasolina a menor nível desde fim de junho

Petrobras reduz preço da gasolina a menor nível desde fim de junho

Economia, Manchete, Política
Combustível passará a R$ 1,926 nas refinarias a partir desta terça-feira (24); na última semana, preço nas bombas subiu após seis semanas de queda. APetrobras reduzirá o preço da gasolina em 0,94% nas refinarias a partir de terça-feira (24), a R$ 1,9426 por litro, no primeiro reajuste desde 18 de julho, de acordo com informações no site da estatal. Com a redução, o preço da gasolina passará a ser comercializado no menor patamar desde o dia 29 de junho, quando o combustível era comercializado a R$ 1,9262 nas refinarias. Preço nas bombas Na última semana, o preço da gasolina nas bombas subiu após seis semanas consecutivas de queda, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (20) Agência Nacional do Petróleo, do Gás Natural e dos Biocombus
Mercado de trabalho não reage e 13% dos brasileiros queimam poupança em gastos do dia a dia

Mercado de trabalho não reage e 13% dos brasileiros queimam poupança em gastos do dia a dia

Economia, Manchete, Política
Recuperação da economia e do mercado de trabalho mais lenta do que o esperado leva consumidor a queimar reservas e se endividar; situação é pior entre os mais pobres, mostram dados do Ibre/FGV. Mercado de trabalho tem melhora lenta e dificulta orçamento doméstico (Foto: REUTERS/Paulo Whitaker) O designer Marcos Araújo, 47, está sem trabalhar há dois anos, desde que foi demitido de uma indústria têxtil. De lá para cá, já usou todas as suas economias para pagar as contas e hoje deve R$ 5 mil para vários bancos. "Nem bicos consigo direito. Só aparece um trabalho a cada seis meses. É muito pouco", diz. A situação dele só não é ainda mais difícil porque mora com a mãe e a irmã e, portanto, as contas acabam sendo divididas. Histórias como a de
Preço da gasolina sobe após seis semanas seguidas de queda, diz ANP

Preço da gasolina sobe após seis semanas seguidas de queda, diz ANP

Economia, Manchete, Política
Já o valor do diesel terminou a semana em queda, para a média de R$ 3,38 por litro; desde o começo da greve dos caminhoneiros, valor nas bombas caiu R$ 0,21. O preço da gasolina nas bombas subiu após seis semanas consecutivas de queda. É o que apontam dados divulgados nesta sexta-feira (20) Agência Nacional do Petróleo, do Gás Natural e dos Biocombustíveis (ANP). Já o valor médio do diesel para o consumidor final caiu. Segundo a ANP, o preço da gasolina subiu 0,13% na semana, para R$ 4,50 por litro, em média. Já o custo do diesel nas bombas teve queda de 0,23% na semana, para R$ 3,38. No mesmo período, a Petrobras baixou o preço da gasolina nas refinarias em R$ 0,04, ou cerca de 1,8%, seguindo sua política de reajuste de preços com o objetivo de acompanhar as c
Temer edita decreto para antecipar metade do 13º salário dos aposentados

Temer edita decreto para antecipar metade do 13º salário dos aposentados

Economia, Manchete, Política
Informação foi divulgada nesta segunda-feira (16) pelo Palácio do Planalto. Governo federal estima que medida representará injeção de R$ 21 bilhões na economia. O presidente Michel Temereditou nesta segunda-feira (16) um decreto para antecipar o pagamento de metade do valor do 13º salário dos aposentados e pensionistas, informou o Palácio do Planalto (veja reprodução do decreto mais abaixo). De acordo com a Presidência, o decreto será publicado na edição desta terça (17) do "Diário Oficial da União". Extrato pode ser obtido pela internet; saiba como Segundo as estimativas do governo federal, a medida representará a injeção de R$ 21 bilhões na economia. No passado, Temer editou decreto semelhante, atencipando a primeira parcela do 13º.