Inline
quarta-feira, janeiro 29#SoumaisoPolêmico

Política

BC quer estimular mais competitividade entre os bancos

BC quer estimular mais competitividade entre os bancos

Política
Objetivo é reduzir juros e ampliar o acesso aos serviços financeiros Por Andreia Verdélio - Repórter da Agência Brasil  Brasília O Banco Central (BC) quer estimular a competitividade bancária no país para reduzir os juros cobrados e ampliar o acesso da população aos serviços financeiros. O presidente da instituição, Roberto Campos Neto, disse hoje (9), que os avanços tecnológicos no setor, como o open banking e o sistema de pagamentos instantâneos, vão abrir o mercado e serão “um marco na indústria financeira brasileira”. “Muitas coisas que estamos fazendo é para igualar as redes digitais com as redes físicas. Todos os entraves que fazem com que a plataforma digital não consiga competir é nessa área que estamos atuando”, disse Campos Neto ao apresentar os resultados de
Eunápolis: Cordélia Torres pode ter apoio de 12 partidos

Eunápolis: Cordélia Torres pode ter apoio de 12 partidos

Política
A pré-candidata a Prefeita de Eunápolis, Cordélia Torres poderá se filiar ao DEM ainda em janeiro. Ela foi convidada por ACM Neto (DEM) e pelo deputado Elmar Nascimento (DEM). Cordélia Torres será a candidata de ACM Neto na cidade e poderá ter uma aliança com mais de 12 partidos. Com isso terá muitos candidatos a vereador e muito tempo de propaganda eleitoral nas rádios.
MEC vai enviar ao Congresso proposta com novas regras para o Fundeb

MEC vai enviar ao Congresso proposta com novas regras para o Fundeb

Política
O governo federal encaminhará, em breve, ao Congresso Nacional, uma proposta de mudança nas regras de financiamento do ensino básico. Hoje (9), ao apresentar as realizações do Ministério da Educação (MEC) em 2019, o ministro Abraham Weintraub disse que o governo não desistiu de ver aprovada sua própria proposta de aumento da contribuição da União para o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). O debate sobre transformar o fundo, com previsão para ser extinto este ano, em permanente, e de elevar, gradualmente, o percentual de recursos repassados pela União, já ocorre na Câmara dos Deputados, onde uma comissão especial foi criada para discutir a PEC 15/2015, e também no Senado, onde tramita a PEC 33/2019. Além disso,
Prefeito de Caravelas participa de audiência em Salvador e cobra investimentos no município

Prefeito de Caravelas participa de audiência em Salvador e cobra investimentos no município

Política
O prefeito de Caravelas, Silvio Ramalho, esteve nessa ultima quarta-feira 08 de janeiro, acompanhado pelo deputado estadual, Robinho (PP), na capital baiana, em uma audiência com a secretária de Relações Institucionais do Governo do Estado, Cibele Carvalho. Uma das pautas foi a de melhoraria em atrativos turísticos nas festividades tradicionais do município, levando em consideração o contexto histórico e cultural, além do carnaval que costuma ser um dos mais procurados da região. Além de melhorar os investimentos nas agendas festivas de Caravelas, o prefeito Silvio Ramalho também solicitou a viabilização para dar continuidade à obra do cais no município. Segundo o prefeito Silvio Ramalho, ele retornou bastante entusiasmado do encontro: “Retornei muito confiante de que, todas as demand
MPF denuncia presidente da OAB por calúnia contra Moro

MPF denuncia presidente da OAB por calúnia contra Moro

Política
O Ministério Público Federal (MPF) denunciou hoje (19) o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz, pelo crime de calúnia. Na ação, o procurador  Wellington Divino Marques de Oliveira, responsável pelo caso, pede o afastamento de Santa Cruz do cargo. Segundo o MPF, o presidente da OAB caluniou o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, durante uma entrevista ao jornal Folha de S.Paulo, em julho deste ano, quando afirmou que Moro “usa o cargo, aniquila a independência da Polícia Federal e ainda banca o chefe da quadrilha ao dizer que sabe das conversas de autoridades que não são investigadas”. Na denúncia apresentada à Justiça Federal no Distrito Federal, Marques de Oliveira afirma que Santa Cruz tem conduta "não condizente ao cargo". "O atual pr
Necessidade de financiamento do governo caiu 12,4% em 2018, diz IBGE

Necessidade de financiamento do governo caiu 12,4% em 2018, diz IBGE

Política
Resultado se deve ao crescimento de 8,2% da receita total Por Vinícius Lisboa - Repórter da Agência Brasil Rio de Janeiro A necessidade de financiamento do governo em 2018 foi de R$ 478,8 bilhões, uma redução de 12,4% em relação a 2017, ano em que somava R$ 551,2 bilhões. Os dados levam em conta as esferas municipal, estadual e federal e foram divulgados hoje (19) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na pesquisa Estatísticas de Finanças Públicas e Conta Intermediária de Governo 2018. A queda ocorreu porque a receita total cresceu 8,2%, enquanto as despesas subiram 4,2%. O aumento das receitas foi gerado pela elevação da arrecadação com impostos sobre bens e serviços (+8,9%), impostos sobre propriedade (+9,5%), impostos sobre o comércio e trans
Caixa paga hoje valor complementar do saque imediato do FGTS

Caixa paga hoje valor complementar do saque imediato do FGTS

Política
Trabalhador pode receber até R$ 998 por conta ativa ou inativa Por Wellton Máximo* – Repórter da Agência Brasil Brasília Os trabalhadores sem conta na Caixa Econômica Federal nascidos de janeiro a outubro poderão retirar hoje (20) o valor complementar do saque imediato do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Têm direito à retirada complementar os beneficiários com contas ativas ou inativas com saldo de até R$ 998 em 24 de julho. O trabalhador poderá sacar, de cada conta, até R$ 498, a diferença entre R$ 500 e R$ 998. As retiradas poderão ser feitas pelos mesmos canais onde o trabalhador retirou os R$ 500 do saque imediato nos últimos meses. Os clientes da Caixa com conta no FGTS terão o valor depositado automaticamente na conta corrente ou poupança. Qu
Bolsonaro sanciona Lei do Médicos pelo Brasil

Bolsonaro sanciona Lei do Médicos pelo Brasil

Política
Programa amplia em 7 mil vagas em locais de difícil provimento Por Pedro Rafael Vilela - Repórter da Agência Brasil Brasília O presidente Jair Bolsonaro sancionou, no início da tarde de hoje (18), no Palácio do Planalto, a lei que cria o programa Médicos pelo Brasil. O programa substituirá o Mais Médicos, criado em 2013. Ao todo, o Ministério da Saúde prevê 18 mil vagas para médicos em todo o país, principalmente em municípios pequenos e distantes dos grandes centros urbanos. Segundo a pasta, esse número amplia em 7 mil vagas a oferta atual de médicos em municípios onde há os maiores vazios assistenciais do Brasil. O programa também vai formar médicos especialistas em medicina de família e comunidade. Em entrevista à imprensa, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Man
Economia crescerá pelo menos 2% em 2020, diz Guedes

Economia crescerá pelo menos 2% em 2020, diz Guedes

Política
Ministro considerou estimativa conservadora Por Wellton Máximo e Kelly Oliveira – Repórteres da Agência Brasil Brasília A economia crescerá pelo menos 2% em 2020, disse há pouco o ministro da Economia, Paulo Guedes. Em entrevista coletiva para fazer o balanço de fim de ano da pasta, o ministro se disse otimista com a evolução da economia e afirmou que as reformas estruturais para reduzir os gastos públicos estão começando a dar frutos. “O PIB [Produto Interno Bruto] crescerá no mínimo 2% ano que vem. Essa é uma estimativa conservadora da nossa parte. Acreditamos que a economia crescerá pelo menos o dobro deste ano. Se 2019 fechar com 1,2% [de crescimento do PIB], [a economia] crescerá 2,4% em 2020”, explicou o ministro. A estimativa de 2% apresentada por Guedes est
Ministério Público da Bolívia expede mandado de prisão contra Morales

Ministério Público da Bolívia expede mandado de prisão contra Morales

Política
Ex-presidente está refugiado na Argentina desde o último dia 12 Por Marieta Cazarré - Repórter da Agência Brasil Montevidéu O Ministério Público da Bolívia emitiu nesta quarta-feira (18) mandado de prisão contra o ex-presidente Evo Morales pelos crimes de terrorismo e rebelião. Morales, que no dia 10 de novembro asilou-se no México, após renunciar ao mandato presidencial, está refugiado na Argentina desde a última quinta-feira (12). O mandado de prisão foi emitido pelo Ministério Público Especial Anticorrupção e poderá ser executado a qualquer momento, de acordo com informações da Agência Boliviana de Informação (ABI). O líder cocaleiro Faustino Yucra também é alvo da ação, pelos mesmos crimes. No dia 22 de novembro, Arturo Murillo, atual ministro de Governo da Bol