Inline
quinta-feira, outubro 18#SoumaisoPolêmico

Qual o legado das Olimpíadas e Copa do Mundo?

Depois de vermos um Maracanã abandonado e destruído, onde sua conta de energia foi paga pelo Clube de Regatas do Flamengo, depois de vermos uma instituição como o Sport Club Corinthians, falido após super faturação na construção de sua Arena, onde teve custo previsto de R$ 600.000.000,00, mas que já está custando R$ 2.000.000.00,00.

Onde esperávamos por melhorias nas malhas rodoviárias, portos, aeroportos, metrôs, hospitais, geração de empregos. Muito pelo contrário, hoje temos uma crise instituída e agravada pela obras superfaturadas, gerando caos financeiro e grandes elefantes brancos, obras sem nenhuma utilidade, parada se deteriorando sem uso e com o tempo, gerando despesas para mantê-las.

As dívidas contraídas para a execução das obras desses eventos podem levar décadas para serem pagas, segundo especialistas. O problema foi observado em cidades que sediaram os Jogos, como Atenas e Montreal. Além disso, é muito comum encontrar obras como estádios, estações de trem e equipamentos esportivos abandonados em diversas cidades que receberam algum desses eventos. Hoje é feito referendos com cidadãos em cidades que pretendem sediar Olimpíadas e Copa do Mundo, na sua maioria já conhecendo os problemas rejeitam promover tais eventos. (Cantão de Grisões -Suiça, Hamburgo – Alemanha), são alguns exemplos.

Custo da Copa do Mundo: R$ 27,8 bilhões (estádios: R$ 8,3 bilhões; mobilidade: R$ 8,7 bilhões; aeroportos: R$ 6,3 bilhões; obras nos entornos dos estádios: R$ 1 bilhão).

Custo das Olimpíadas: Segundo o Portal da Transparência, as Olimpíadas teve orçamento de R$ 38,7 bilhões. Esse valor, porém, tem sido contestado e pode ser maior.

 

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *